28 de agosto de 2020

LANÇAMENTO: ‘Literatura fantástica, casas mal-assombradas, metamorfoses’ -

Acaba de ser ser lançado o livro Literatura fantástica, casas mal-assombradas, metamorfoses (170 págs.), pela Edufpe (miolo feito pelo designer Tito França; arte da capa pelo designer Pedro Alb Xavier). A obra é composta por artigos científicos de estudiosos e especialistas em Literatura fantástica de universidades do país e do exterior, com organização minha. Está dividido em duas seções temáticas: na primeira, reunimos seis artigos oriundos de palestras que ocorreram durante o 7º Congresso de Literatura Fantástica de Pernambuco, realizado em 2017 no Departamento de Letras da UFPE, com o tema “literatura fantástica e casas mal-assombradas”; na segunda, mais seis artigos, desta vez originados de palestras ocorridas no 8º Congresso de Literatura Fantástica de Pernambuco, em 2018, também na UFPE, com o tema “literatura fantástica e metamorfoses”. Em cada um deles, uma interessante e renovada leitura teórica sobre o insólito ficcional. Seguem os títulos dos estudos e seus respectivos autores: Parte 01 – Literatura fantástica e casas mal-assombradas: “Casas mal-assombradas: arquitetura fantástica, topofobia e o personagem esteta do horror nos contos de H. P. Lovecraft” (André de Sena); “O assombroso solar amarelo em O papel de parede amarelo, de Charlotte Perkins Gilman”; (Maylah Longo Gonçalves Menezes Esteves); “M. R. James e C. G. Jung nas Sombras dos intelectuais, catedrais e assombrações” (Victor Vitório de Barros Correia); “La mansión de Araucaima ou o gótico nos trópicos” (Darío Gómez Sánchez); “Entre o fantástico e a alegoria: uma reflexão sobre o fantasmático museu de ‘Vanitas’, de Almeida Faria” (Letícia Raiane dos Santos); “Espectros e visagens entre as paredes da casa-grande” (Roberto Beltrão); Parte 02 – Literatura fantástica e metamorfoses: “A metamorfose como processo físico e discursivo na narrativa fantástica peruana contemporânea” (Erwin Snauwaert); “O macaco e o monstro em ‘Um relatório para uma academia’, de Franz Kafka” (Raul da Rocha Colaço); “Teriomorfismo em dois contos de Grimm: fratria, identidade e protagonismo feminino” (Gisele Gemmi Chiari); “O trapaceiro de mil faces: Jung, Loki, Puck e Le Guin” (Victor Vitório de Barros Correia); “Extrapolando o real para cultivar possibilidades: a potência do fantástico na literatura de Mia Couto e João Guimarães Rosa em uma perspectiva deleuzeana” (Leonardo Monteiro Crespo de Almeida); “Metamorfose e dualidade: aproximações entre o médico, o monstro e o Hulk” (Edson José Rodrigues Júnior).

Link para download:
http://www.editoraufpe.com.br/literatura-fantastica-casas-mal-assombradas-metamorfoses/