14 de fevereiro de 2019

9º Clif-PE – programação -

O 9º Congresso de Literatura Fantástica de Pernambuco (9º Clif-PE), que ocorrerá nos dias 25, 26 e 27 de setembro de 2019, com o tema “Mare tenebrarum: o mar e as águas nas narrativas fantásticas” já está com a programação fechada:

9º CONGRESSO DE LITERATURA FANTÁSTICA DE PERNAMBUCO (9º CLIF-PE) 

TEMA: MARE TENEBRARUM – O MAR E AS ÁGUAS NAS NARRATIVAS FANTÁSTICAS

 

Belvidera – Núcleo de Estudos Oitocentistas –

Departamento de Letras – UFPE/CNPq

(25, 26 e 27 de setembro de 2019)

 

 

PROGRAMAÇÃO

QUARTA-FEIRA (25 de setembro)

 

Hall do Centro de Artes e Comunicação (CAC/UFPE)

8:00-9:00 – Credenciamento dos participantes (apenas ouvintes)

 

Auditório Evaldo Coutinho (CAC/UFPE)

9:00-11:00

1ª Conferência: “‘La Mar de la Musica’: interações fantásticas entre o mar e a arte dos sons desde os primórdios da história ocidental”

Sérgio Dias (Prof. Dr. – Univ. Nova de Lisboa/Depto. de Música – UFPE)

Mediação: André de Sena (Prof. Dr. – Letras/UFPE)

11:00 – Lançamento: Literatura fantástica e contos de fadas (Edufpe, 2018)

13:30-15:00

Espetáculo músical (ópera – composições dos sécs. XVI e XVII) – Grupo Metaphora

Programa: Mateo Flecha – La Bomba (Ensalada para vozes e instrumentos); Adriano Banchieri (Barca de Veneza para Pádua (Madrigais caprichosos para vozes e instrumentos). Direção: Sérgio Dias. Vocais: Juliana Cumarú, Adriana Nascimento, Virgínia Cavalcanti, Alexandre Pimentel, Luiz Kleber Queiroz. Instrumentistas: Anderson Rodrigues, Rafael Rodrigues, Mirty Kátlhy, Davson Moura, Lucas Barbosa, Sérgio Dias (flautas-doce, cornamusas e crumhorns); C. A. da Silva (guitarra espanhola e alaúde); Gilson Celerino (cravo e órgão); Jardel Souza (viola de gamba); Ailton Silva (violone); Diôgo do Monte (percussão).

 

15:30-17:00

Mesa-redonda 01 – Simbolismos aquáticos na literatura escandinava

“O maelström no folclore nórdico e na literatura européia”

Johnni Langer (Prof. Dr. UFPB/NEVE)

“Representações do mar nos contos de fadas escandinavos”

Andréa Caselli (Doutoranda PPGCR-UFPB/NEVE)

“Das águas puras e cristalinas de Öxará nasce o delicioso vinho. Os elementos fantásticos em um conto folclórico islandês”

Luciana de Campos (Profa. Dra. NEVE/NorthenWomen Arts Collaborative)

17:30-19:30

Mesa-redonda 02 – Encontro com escritores de ficção fantástica

“Os novos autores fantásticos pernambucanos em sua relação com as águas”

André de Sena (Prof. Dr. Letras – UFPE)

Convidados: Roberto Beltrão, J. P. Parísio, Frederico Toscano, André Balaio

QUINTA-FEIRA (26 de setembro)

Auditório Evaldo Coutinho (CAC/UFPE)

9:30-12:30

Mesa-redonda 03 – Contos de fadas, fantasia e sci-fi

“Oceano inteligente e ininteligível: mímeses e estranheza em Solaris, de Stanislaw Lem”

Maria Larissa Farias Ferreira (Mestranda em Letras – UFPE)

“Ondina: uma poética líquida”

Gisele Gemmi Chiari (Doutora em Letras – USP)

“Ao Leste de Nárnia, ao Oeste da Terra-Média e outras travessias”

Victor Vitório de Barros Correia (Mestre em Letras – UFPE)

“O oceano espacial manipulador de Solaris

Ricardo José de Lima Teixeira (Prof. Dr. – Letras/UERJ)

Lud-in-the-mist, de Hope Mirrless sob a visão de Fantasy, uma literatura de subversão de Rosemary Jackson”

Haroudo Sátiro Xavier Filho (Mestre em Letras – UFPB)

14:00-16:30

Mesa-redonda 04 – História, estudos culturais e intersemiose

“Mar de ideias: a pesquisa de fontes históricas primárias e suas intersecções com a literatura fantástica”

Frederico de Oliveira Toscano (Doutor em História – USP)

“O prodigioso mar da Argonáutica da cavalaria, de Tristão Gomes de Castro”

Letícia Raiane dos Santos (Doutoranda em Letras – UFPE)

“A sereia preta – representação da mulher “não-branca” no universo das Princesas Disney”

Carla Sellan (Doutoranda em Sociologia – UFPE)

“Corpos ao mar: morte e vida em O segredo das águas e Ventos de Agosto

Marcelo Monteiro Costa (Prof. Dr. – Comunicação – UFBA)

“A água e o fantástico como refúgio de corpos abjetos nos filme e romance A forma da água

Pedro de Souza Melo (Mestrando em Letras – UFPE)

17:00-19:00

Mesa-redonda 05 – Insólito ficcional

“O fantástico e suas relações intertextuais no conto ‘Nau Catrineta’, de Rubem Fonseca”

Murilo Cavalcante Alves (Prof. Dr. – UFAL)

“Familiar e unheimlich: a água como elemento temático do estranho e do fantástico em três contos”

Gabriel Eduardo Bortulini (Doutorando em Letras – PUCRS)

“Macroespaço de mistérios: o insólito em ‘O mar devolverá o corpo de Clarissa’, de Moacir Costa Lopes”

Ivson Bruno da Silva (Mestrando em Letras – UFPB)

19:00-20:30

Sessão de comunicações 01

“As representações fantásticas das águas e os simbolismos religiosos n’A Demanda do Santo Graal

Raquel Gonçalves da Silva Lima (Graduanda em Letras – UFPE)

“Subversão do topos insólito em ‘A ilha maldita’, de Bernardo Guimarães”

Edson José Rodrigues Júnior (Graduado em Letras – UFPE)

“O fantástico através das águas em Os ambulantes de Deus, de Hermilo Borba Filho”

Raphael Victor Alves de Jesus (Graduando em Letras – UFPE)

“O mar e seus despojos: resquícios do insólito em Gabriel García Márquez”

Israela Rana Araújo Lacerda (Graduanda em Letras – UFPB)

“O mar como desejo de libertação no conto ‘A Ilha ao meio-dia’, de Júlio Cortázar”

Raíza Hanna Saraiva Milfont (Graduanda em Letras – UFPE)

SEXTA-FEIRA (27 de setembro)

Auditório Evaldo Coutinho (CAC/UFPE)

9:00-10:30

Mesa-redonda 06 – O mar e o insólito na ficção hispânica e hispano-americana 01

“Lago de Sanabria ou Valverde de Lucerna submersa? Uma literatura fantástica unamuniana afora dos símbolos filosóficos”

Brenda Larissa de Oliveira Xavier Bertulino (Graduanda em Letras – UFPE)

“Todas as águas a água em ‘A ilha ao meio-dia’, de Julio Cortázar”

Raul da Rocha Colaço (Mestre em Letras – UFPE)

“Monstros marinhos no imaginário moderno: traços do Mare tenebrarum”

Juan Pablo Martín Rodrigues (Prof. Dr. – Letras/UFPE)

10:30-12:15

Mesa-redonda 07 – O mar e o insólito na ficção hispânica e hispano-americana 02

“Mar e areia em ‘Los que aman, odian’, de Silvina Ocampo e Adolfo Bioy Casares”

Amanda Brandão Araújo Moreno (Prof.ª Dr.ª – Letras/UFRPE)

“Tormenta, batalha e prisão nas águas do poema ‘Crónica Nixe’, de Amilcar Rodríguez Cal”

Iaranda Jurema Ferreira Barbosa (Doutoranda em Letras – UFPE)

“Segredos de Margarita: uma leitura da ‘Casa Inundada’, de Felisberto Hernández”

Imara Benfica Mineiro (Prof.ª Dr.ª – Letras/UFPE)

14:00-15:00

2ª Conferência:

“O turbulento oceano primordial: análise do Caos Primevo no mito de Poimandres”

David Pessoa de Lira (Prof. Dr. – Letras/UFPE)

Mediação: André de Sena (Prof. Dr. – Letras/UFPE)

15:30-17:20

Mesa-redonda 08 – Insólitos ficcionais

“A água como alteridade e elemento de poder das bruxas: relato histórico e ficção”

Ana Carolina Lazzari Chiovatto (Doutoranda em Letras – USP)

“Indagar o real e o irreal na fantasia literária: colaborações a partir da filosofia”

Ana Monique Moura (Doutora em Filosofia – UFPB)

“A Luanda fantástica: água e comunidade em Os Transparentes, de Ondjaki”

Raíra Costa Maia de Vasconcelos (Prof.ª Dr.ª – Letras/UFPE)

17:30-19:30

Sessão de comunicações 02

“O fantástico e a alteridade em Axolotl de Julio Cortázar: a descoberta do condicionamento da vida em sociedade no olhar o outro”

Livânia Régia da Silva Martins Nascimento (Mestra em Letras – UFPE)

“A água como símbolo de morte e de vida no ‘Aquaman’ de Geoff Johns”

Aurelino José Sant’Ana de Lucena (Graduando em Letras – UFPE)

“Efeitos asfixiantes da perversão: quando a necrofilia inunda o desejo”

Isaque da Silva Moraes (Graduando em Letras – UFPB)

“Nas águas antigas emerge Allan Poe”

Málini de Figueiredo Ferraz (Graduanda em Letras – UFRPE)

“Agonias no(do) divã: da paralisia do trauma ao desaguar da palavra”

Matheus Pereira de Freitas (Graduando em Letras – UFPB)

“A representação do mar nas narrativas neofantásticas: uma análise do conto ‘Ofélia, meu cachimbo e o mar’ de Murilo Rubião”

Tainá de Moura Santos (Graduanda em Letras – UFPB)

“O rio de luz e o devorador de olhos: um conto de Yuki Urushibara”

Vinicius Gomes Pascoal (Mestre em Letras – UFPE)

-OBS: Os palestrantes, conferencistas, comunicadores, artistas e autores de ficção e crítica/teoria literária selecionados para o 9º CLIF-PE poderão trazer livros de sua autoria – desde que estejam afinados às temáticas do evento – para venda em seu estande oficial, a ser montado no Hall do Centro de Artes e Comunicação da UFPE durante os três dias do congresso. Não cobramos porcentagem nas vendas, sendo toda renda adquirida repassada aos respectivos autores.